Imagem de Ricardo já está atolada no Jampa Digital

30-07-2013
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votes, average: 3,50 out of 5)
Loading ... Loading ...
Jampa Digital. Tudo indica que tem mutreta ai

Jampa Digital. Tudo indica que tem mutreta ai

Por Wellington Farias – Os desdobramentos do Escândalo do Jampa Digital, de âmbito nacional, só pioram a situação do governador da Paraíba, Ricardo Coutinho. Novos documentos, de alto teor corrosivo, foram acrescentados ao processo. Tudo com nomes, datas, endereços etc etc  etc. Ta cada vez mais ficando difícil provar a inocência dos acusados. Mas, atenção: ainda é cedo e ninguém foi julgado.

Mas o que piorou mesmo a situação do governador Ricardo Coutinho foi, além da estratégia errada de blindagem de RC, os argumentos falhos. Vejam:

O procurador geral do Estado, Gilberto Carneiro, em entrevista que nos concedeu no Correio Debate, afirmou com todas as letras que, para cumprir o derradeiro prazo estabelecido para concluir a peça, a Polícia Federal encerrou este trabalho de afogadilho, de forma irresponsável. Uma declaração de alto teor de irresponsabilidade, esta do procurador Carneiro.

Contradição
Na mesma entrevista, Gilberto Carneiro disse, no início do programa, que o nome do governador era citado uma única vez no processo. La pro final da entrevista, disse que não tinha visto o processo. Ora, se ele não viu nem leu o processo, como pode garantir que o nome do governador foi citado apenas uma vez?…

E mais: a tão propagada alegação de que o governador Ricardo Coutinho não foi inciado, tem efeito contrário como elemento de defesa. Por que? Porque todo mundo sabe que ele nem nenhum outro gestor poderia ser citado (neste estágio das investigações) na medida em que a lei (imoral, por sinal) lhe garante foro privilegiado. Ricardo, portanto, se tiver que ser indicado ou julgado, será no âmbito do Supremo Tribunal Federal. Ele não poderia ter seu nome citado, agora, jamais. Mas não significa, nem de longe, que seja inocente nesta história…

Desgastado
A imagem de austero, do governador Ricardo Coutinho, que já vinha sofrendo avarias sérias desde quando era prefeito de João Pessoa, sofre um grande golpe agora. Ricardo se prepare para o calvário que vai enfrentar. Ainda mais depois que ele e sua turma, em vez de apoiar as investigações, para provar sua suposta inocência, preferiram atacar o trabalho da Polícia Federal, uma das instituições brasileiras de maior credibilidade.

A Polícia Federal, é bom que se diga, é composta de gente, seres humanos, com corpo, alma e sentimento. E, é claro, deve se empenhar ainda mais, a partir de agora, para mostrar que não estava errada…

Deus queira!!!!

 

Compartilhe:

  • Stumble upon
  • twitter